« Férias dentro das férias | Main | Um ano de muita vida escrita »

Honeymoon

Tudo tudo deu certo em Búzios. Fizemos uma excelente viagem. Só choveu na manhã de terça-feira, mas todo o tempo restante fez um delicioso sol com céu azul. Estávamos só nós dois de hóspedes na Pousada Praia Rasa. Fomos atendidos com muita atenção e gentileza típica dos buzianos. Nosso quarto tinha uma varanda enorme com vista de frente para o mar, apaixonante! Não visitamos todas as praias de Búzios, apenas as que mais gostamos: Azeda e Azedinha. As duas fazem parte da área de preservação ambiental. Um misto de mata atlântica, pedras e uma água cristalina de fazer qualquer um suspirar.

Comemos muito e comemos muito bem em Búzios! Logo que chegamos enfrentamos um por quilo chamado Boom, de comida boa e preço honesto. A noite fomos a um restaurante mexicano que merece todas as honras, chamado Guapo Loko, com umas fajitas que marcaram história em nossa vida de comilança, sem dúvida! Maravilhoso! No dia seguinte comemos as famosas crepes do Chez Michou, boas também mas nada de muuuito especial não. Já o jantar foi tudodibom e mais um pouco: Chez Briggita's! Atendimento em inglês, ambiente super pitoresco, uma anchova grelhada divina, que encerrou nossa estadia com garfo de ouro!!

Passeamos muito pelas lojinhas da badalada Rua das Pedras mas só compramos camisetas para o meus pais, nada mais. Búzios tem artesanato bem diversificado, mas caro.

A Praia Rasa, de frente ao nosso quarto era uma tranqüilidade de tão deserta e calma. Fizemos caminhadas na areia todos os dias e ontem, como estava muito calor, ficamos no mar por um longo tempo, só relaxando o corpo nas ondas. Que coisa boa!!

Martin adorou as sandálias Havaianas que ganhou da minha mãe. No primeiro dia ele ia andar na praia de tênis e meia. Ensinei a ele a caminhar na areia descalço e segurando as Havaianas pelas tiras. Em pouco tempo ele já estava acostumado e ia sozinho lavar a areia das Havaianas no mar, praticamente um cidadão brasileiro! :o) Depois ele viu um pescador segurando uma Havaiana em cada mão como se fossem luvas e dali por diante ele carregou seu par de chinelos assim. Praticamente um goleiro de pelada de várzea. :o)

Nos divertimos muito, vimos cenários lindos nas praias do Canto, Rasa, da Armação, Azeda e Azedinha, brincamos na água, catamos conchinhas (que eu adoro!), assistimos os pescadores tirarem a rede do mar cheia de peixes, vimos o pôr-do-dol diversas vezes. Enfim, fizemos de tudo para aproveitar cada instante. Até na chuva caminhamos, sentindo os pingos gelados nas costas e o mar morno nos pés. Nada nos desanimou. Tudo foi muito agradável. Tudo foi muito bonito. Como a vida deve ser! :o)