« fevereiro 2002 | Main | abril 2002 »

março 31, 2002

Rubinho

É... não foi desta vez de novo... É engraçado não ouvir o Galvão Bueno transmitindo o GP do Brasil, faz uma falta danada. E pude sentir toda a alegria e depois a decepção do público brasileiro. E que solão aquele, ô saudades! Vi o bairro dos meus pais, tão pertinho do autódromo... A namorada de David Coulthard é paulistana e ela gravou uma reportagem mostrando São Paulo, desde as favelas da Vila da Paz até as lojas chiquérrimas da Oscar Freire e Haddock Lobo. Depois ela e a reporter inglesa foram ao restaurante Figueira Rubayat e o Martin ficou impressionado com o tamanho daquela árvore centenária!

O melhor da corrida foi quando os dois comentaristas ingleses morreram de rir com a distração de Pelé, batendo um papo na boa
na hora da bandeirada, enquanto Schummy cruzava como vencedor! Haahahahaha!

Escrito a mão pela Marcia às 8:04 PM

Feliz Páscoa!

E antes que eu me esqueça: Feliz Páscoa para tooodo mundo! :o)

Escrito a mão pela Marcia às 3:56 PM

Nublado

Depois de uma semana inteira de sol brilhando e até um certo calorzinho, hoje o dia amanheceu e permaneceu nublado, choviscando, frio. Até o sol deve estar lamentando... Não vi pessoas na rua hoje, o povo inglês está realmente muito abatido com a perda da Rainha Mãe... A BBC só transmite a história da vida dela o dia todo. Já sei de cor tudo o que ela fez nos 101 anos. Toda a programação de comédia foi alterada, não sei porquê. A Rainha Mãe era super bem-humorada e adorava fazer comentários engraçados, para total desespero da Rainha Elizabeth, hehehehehe.

Escrito a mão pela Marcia às 3:51 PM

março 30, 2002

O Adeus da Rainha Mãe

Na tarde deste sábado, a Rainha Mãe morreu enquanto dormia. Tinha 101 anos de idade. Ao seu lado estava sua filha Elizabeth II. Todas as TVs inglesas pararam suas transmissões para fazer um plantão sobre o assunto. A Rainha Mãe não aparecia em público há meses,
estava muito fraca com uma infecção nos pulmões. Muita gente por aqui está realmente triste. A Rainha Mãe era o símbolo e a prova de que os ingleses não são sempre sisudos, frios e formais como todo mundo pensa. Assim como a Rainha Mãe, muitos ingleses são simpáticos, amigos, sorridentes, bem-humorados e simples.

Casada com o Rei George VI, foi rainha e matriarca da família real britânica. Viu a Primeira Guerra acontecer e, na época, se recusou a deixar Londres, enfrentando o poderio de Hitler. Logo ficou viúva e viu sua filha Elizabeth ser coroada rainha. Viu seus netos nascerem. Viu a Inglaterra mudar. Viu o Parlamento tomar a liderança no governo do Reino Unido. Viu Margareth Tacher deixar o poder. Viu as mudanças globalizadas de Tony Blair darem resultados. Viu seus bisnetos crescerem. Viu a princesa Diana morrer. Viu sua filha Margareth morrer há dois meses atrás. Foi uma mulher que viu a história acontecer e que muitas histórias tinha para contar...

Escrito a mão pela Marcia às 6:49 PM

março 29, 2002

Rubinho, campeão!!!

E neste final de semana tem corrida de Fórmula Um em Interlagos, o meu bairro-natal. Eita que saudades da bagunça que acontece por lá todo ano. E dona Wal, minha mãe, alugando as vagas na garagem de casa por R$ 10,00 por carro, hehehehe.
Incluindo a comissão dos meninos. E aquele bando de helicópteros da Globo. E o pessoal amontoado, acampado na fila do setor G, cantando até altas horas da madrugada. E os vendedores de bonés que começam a ser vendidos por R$15 e depois da corrida é dois por R$5. E sem falar que sempre tenho a esperança que desta vez Rubinho termina a corrida. Acredito que sou a única torcedora do Barrichelo. Todo mundo já desistiu. Mas ele foi vizinho e torço mesmo. Nunca vai ser um Senna, mas eu torço, me deixa. Hehehe. No ano passado estavamos lá, Eu e Martin, no setor H do autódromo de Interlagos, para torcer respectivamente para Rubinho e Coulthard. Rubinho se enroscou na primeira curva e Couthard ganhou a corrida. :o) Este ano, tudo vai ser diferente! Desta vez, Rubinho termina a corrida! :o)

Escrito a mão pela Marcia às 9:57 PM

!!!!HaPpY BiRtHdAy!!!!

Happy Birthday my Little Prince!

Hoje é o aniversário do Martin. 29 anos. Decidimos não viajar para Leicester e comemoramos por aqui mesmo, apenas nós dois. Logo de manhã entreguei o presente dele e ele adorou o casaco novo, mas nada de usar hoje, porque fez um ensolarado e quente dia! No almoço preparei um frango assado com batatas-bebê, abobrinhas em rodela, cenoura e cebolas. Fiz também um gravy, um molho feito com o suco que o frango deixa na assadeira. Sim, calórico, gorduroso e uma delícia, hihihi. Assei um bolo, cobri com chocolate derretido e enfeitei com Mini-Eggs. Martin adorou tudo e está muito feliz aqui do lado, fazendo apenas o que lhe dá prazer no dia de hoje. E estou também muito feliz comemorando com ele! :o)

Escrito a mão pela Marcia às 9:39 PM | Comente este capítulo (2)

março 28, 2002

Era uma vez um banheiro

Martin está desde ontem brincando de LEGO com a nossa suíte. Desmontou a pia inteira e o sanitário, tirou o rodapé, arrancou
o isolante acústico. Disse que em uma hora ele coloca tudo de volta e com o piso de madeira finalmente instalado. Uma hora? Acho que isso é conversa de pedreiro, sei não... Mas o que importa é que finalmente terminaremos o banheiro, não agüento mais aquilo sem piso, odeio aquele isolante acústico verde horrendo! É horrível limpar o banheiro sem poder pingar uma gota de água no chão. Com esse novo laminado à prova d'água nossa vida vai ficar mais fácil. O banheiro social ainda está sem piso e vai ficar assim por mais tempo, acho. Contei que o chuveiro do banheiro social quebrou? Sem mais nem menos caiu e quebrou. Nunca usamos esse banheiro e foi uma sorte que o chuveiro não ter caído na cabeça de alguém. A porcaria da rosca
partiu e poft! o chuveiro caiu. Mas logo tudo se arranja.

Escrito a mão pela Marcia às 10:04 AM

março 27, 2002

Carinho bom

Recebi hoje um e-mail todo fofo e cheio de saudades da minha amiga classuda Cristina, mãe da pequena super-linda Carolina. Que saudades sinto das minhas amigas, das conversas, das risadas sem fim, das bobeiras... Saudade de estar perto delas, de sentir que nossa amizade é o que existe de mais incondicional neste mundo. Não depende de nada, não cobra nada, somos apenas amigas do coração. Gosto demais de cada uma delas. Antes eu achava que amigas de verdade são aquelas que vêm desde a infância. Um grande engano. Encontrei essas meninas loucas há cinco anos atrás e elas são as mais especias amigas
que tenho hoje. :o)

Escrito a mão pela Marcia às 7:56 PM

Susto

Quando uma pessoa do sexo masculino diz que precisa ir ao médico, é motivo de preocupação. Pois então, ontem a noite Martin disse preocupado que estava sentindo um caroço e que precisava ir ao médico. Ficamos bastante assustados, sem saber o que era, sem saber o que poderia ser. Quase não dormimos direito e pela manhã a primeira coisa que ele falou foi que iria ao médico. Fomos até Poole, no médico que ele costuma ir. O médico - depois de examinar - disse que não era motivo para preocupação. Era apenas um cisto bem pequeno, muito comum de aparecer na região (virilha). Nem remédio vai precisar tomar, apenas fazer os exames mensais, apalpando a região.

Ficamos aliviados, mas ao mesmo tempo estamos de olho. Deus queira que logo o cisto desapareça e que não seja mais nada. Ainda estou um pouco assustada.

Escrito a mão pela Marcia às 7:48 PM

março 26, 2002

Dias Felizes

Porém, dias felizes mesmo estou passando aqui ao lado do Martin. E que Deus nos proteja e nos traga muitos anos de vida juntos.

Escrito a mão pela Marcia às 11:26 PM

Em surto ainda

"...Saudosa malooooca, maloooca queridaaa...
Din din donde nóis passêmo dias feliz di nossas vidas..."

Escrito a mão pela Marcia às 12:27 PM

Surtada

Instalei o Audiogalaxy no computador e baixei algumas músicas brasileiras. Confira a lista desta surtada que vos escreve:

Trem das Onze - Demônios da Garoa
Saudosa Maloca - Demônios da Garoa
Brasil Pandeiro - Os Baianos
O que é o que é - Gonzaguinha
Águas de Março - Marisa Monte
O Caderno - Chico Buarque
Aquarela - Toquinho
Garota de Ipanema - Vinícius de Moraes

Daí parei. Senão logo estaria acesando o site da British Airways para comprar uma passagem para o Brasil. :o)

Escrito a mão pela Marcia às 12:25 PM

março 25, 2002

Paraíso

Ah sim, só para lembrar. Um ano atrás nós estavamos de férias em Ilha de Comandatuba, na Bahia, curtindo sol, água de coco e muita mordomia. E hoje estamos novamente de férias e o sol está aqui brilhando só para trazer essas boas lembranças. :o)

Escrito a mão pela Marcia às 1:40 PM

Aniversário de 1 ano

Hoje Martin e eu comemoramos um ano juntos.

Um ano atrás ele surgia em minha vida para mudar todos os meus planos. Um ano atrás eu surgia na vida dele para também mudar
e criar novos planos.

Hoje construímos juntos nossos planos, escrevemos nossa história, fazemos a nossa própria felicidade particular.

Temos muito a comemorar quando olhamos para trás. E temos muito a comemorar quando pensamos em tudo o que queremos para essa
vida em comum.

:o)

Escrito a mão pela Marcia às 1:38 PM

março 23, 2002

Certificado

Na sexta-feira terminei meu curso de inglês. Foram quase dois meses, com aulas todos os dias, 4 horas de aula por dia. Recebi meu certificado onde, com muito orgulho e felicidade da minha parte, se lê:

Nível: Avançado

Conversação: Estilo Fluente
Audição: Boa Compreensão
Leitura: Muito Boa
Escrita: Muito Boa
Freqüência: Excelente

Destaques: Márcia tem uma boa assimilação de como a linguagem funciona, tem sólida báse de vocabulário e gramática e de como empregá-los. Com a continuação do uso da língua ela facilmente se tornará uma fluente usuária do Inglês.

Fiiiiiiiiiiiiuuu!! Já ganhou! Já ganhou! Já Ganhou! Clap, clap, clap! Fiiiiiiiiuuuu!!!

Escrito a mão pela Marcia às 6:29 PM

março 22, 2002

Errata

Correção: a barra de chocolate que comi ontem tinha 300 calorias, ou 1275 kJ. Ahhhh bom, então tá. Vou comer mais quatro barras! :o)

Escrito a mão pela Marcia às 8:41 AM

março 21, 2002

Muitas calorias

Acabei de almoçar um miojo básico novamente, porque fiquei fazendo o tal projeto e não sobrou tempo para preparar nada que não fosse esse pobre macarrão. De sobremesa tinha uma barra de chocolate de 65g aqui do meu lado. Chama-se DoubleDecker. Parece um Lolo (Milkbar) com floquinhos crocantes, camada de marshmelow e cobertura de chocolate ao leite. Comi sossegada e sem querer dei uma olhadinha na tabela nutricional da embalagem. 1275 calorias!!!!! Gaaaaaaaaaahhhh!! Não posso comer mais nada até amanhã a noite para compensar tudo isso de caloria numa simples barrinha de chocolate!!! Meu God, help!!

Escrito a mão pela Marcia às 1:31 PM

Evolução

Argh... acabei de terminar o projeto que comecei ontem. Na verdade não era muito complicado, mas quis caprichar, afinal é o último projeto que faço para a escola. Ficou bem bonitinho. A proposta é explicar a Teoria da Evolução para uma criança de 7-9 anos. Minha idéia foi de fazer uma página na Internet explicando o assunto. Desenhei todos os detalhes com a ajuda do bom amigo Corel Draw. Coloquei algumas fotos e fiz uma pá de textos. Tive que ler um bocado para entender bem antes de tentar explicar. Tô feliz com o resultado. :o)

Escrito a mão pela Marcia às 11:41 AM

março 20, 2002

Projeto

Agora chega de papo-furado, porque tenho que entregar um projeto amanhã na escola, sobre a Teoria da Evolução. Uff...

Escrito a mão pela Marcia às 2:27 PM

Momento mulherzinha

Contei que estou tentando aprender a me maquiar sozinha? Pois é, menina! Nunca fui de usar nada de maquiagem e agora preciso
aprender para fazer a minha própria no dia do casamento. Já tenho um bom arsenal aqui e minha mãe está enviando os pincéis novinhos do Boticário que eu tinha no Brasil e que nunca usei. Já li diversos artigos sobre o assunto, visitei dezenas de websites e encontrei bons conselhos. Mas preciso treinar. E todo santo dia faço um teste, treino, retiro, tento de novo. Tá bem divertido. Base, pó facial, pó translúcido, blush, iluminador perto da sobrancelha, lápis branco nos olhos, contorno labial, batom, gloss, máscara hipo-alergênica nos cílios... socorro!

E fora o cabelo, né? Tenho que fazer escova eu em mim mesma mais ninguém. Entopetar a franja com mouse, depois tacar spray, dar uma ajeitada com a escova para parecer natural (haha!) e não movimentar mais o pescoço.

Um dia eu consigo. Um dia.

Escrito a mão pela Marcia às 2:25 PM

Lista de Saudades

Coisas brasileiras que sinto falta:

• Sol quente
• Pastel de Feira
• Usar shorts
• Cinema barato (em Londres você paga R$40)
• Pizza no Forno de Lenha
• Revistas Bons Fluidos e Cláudia Cozinha
• Picanha mal-passada com farinha de mandioca (ôxi...)
• Quintal e varal para pendurar roupas ao sol
• Drogaria São Paulo (hahahahaha)
• Casa dos Artistas (hihi)
• Perfex
• Farinha de rosca
• Frentista de posto de gasolina (aqui é tudo self-service, você abastece)
• Cumprimentar com beijo
• Software pirata
• Almoço por quilo

Escrito a mão pela Marcia às 2:08 PM

Tempero

No jantar de ontem preparei peito de frango com creme de espinafre, arrozinho branco para acompanhar. Tudo normalzinho, a não ser pelo fato do creme de espinafre ter ficado descaradamente salgado. Martin, bom cavalheiro que é, comeu tudinho (não que tivesse outra coisa para comer, mas enfim), não deixou nem um grãozinho no prato. Perguntei a ele se estava muito salgado e ele respondeu, "só um pouquinho, na verdade". Que bonitinho que ele é. Depois do jantar ele tomou um copo longo de suco, uma caneca de chá e um copinho de baileys. É... acho que tava salgado sim, hehehehehe.

Na verdade, não estava intragável, apenas um bocadinho salgado.Mas antes de eu me mudar para cá, Martin sequer comprava um pacote de sal, comia tudo sem sal algum. O primeiro salzinho da dispensa fui eu quem comprou. Então costumo colocar bem pouquinho sal na comida, ontem acabei colocando mais do que estamos acostumados.

Desacostumei a comer tudo salgado e de certa forma acho que é mais saudável, o corpo retém menos líquido. E em contrapartida, acostumei a comer comida apimentada, devido às nossas experiências em culinária Indiana. Preciso experimentar os pratos tailandeses, que dizem, são bem picantes mas saborosíssimos.

Escrito a mão pela Marcia às 1:42 PM

março 19, 2002

Aniversário chegando

Ontem comprei um casaco novo pro Martin, vai ser o presente de aniversário dele, no dia 29 de Março, Sexta-Feira Santa. E ele
vai se dar de presente uma semana de descanso. É bem provável que a gente vá para a casa dos pais dele para comemorar. Preciso comprar ovos de Páscoa para ele também.

Escrito a mão pela Marcia às 8:03 AM

Vestido de Noiva

Ontem fui buscar meu vestido na costureira. Ficou perfeito, o ajuste saiu bem baratinho e já não preciso me preocupar mais com ele. Estou publicando a foto, conforme havia prometido, assim que encontrei o vestido. A foto do vestido no meu corpo só mostro depois do casamento, hehehehe. O coitado está todo emcapado em plástico preto para o Martin não ver também, hehehe. Estou bem feliz com a escolha, adorei o vestido, a cor, o modelo e o caimento. Não vejo a hora de
usar! Estamos torcendo para que faça um dia não tão frio. :o)

(Clique na foto para ampliar)

WeddingDress.JPG

Escrito a mão pela Marcia às 7:56 AM

Domingo Portugês

Domingo preparei uma bacalhoada com bacalhau fresco. Coloquei rodelas de batatas, cebolas, tomates, pimentões de todas as cores, azeitonas pretas, bacalhau fresco em postas, reguei com bastante azeite e leite de coco e assei no forno por quase duas horas em temperatura média.
Ficou muito parecido, mas acho que com o bacalhau seco é mais saboroso. Mesmo assim, limpamos a travessa em duas refeições!
Dilícia!

Escrito a mão pela Marcia às 7:50 AM

março 18, 2002

O Deus de Cada Um

Hoje tivemos uma discussão sobre religião nas duas últimas aulas e, ao contrário das divergências que sempre acontecem nesse tipo de assunto, tivemos uma enriquecedora conversa, cada qual explicando e mostrando o seu credo, de acordo com a sua cultura: tailandesa, russa, espanhola, japonesa, coreana, inglesa e brasileira. Essa aula realmente não teve preço! :o)

Escrito a mão pela Marcia às 1:18 PM

março 17, 2002

Sábado Feliz

Ontem foi um dia bem agradável. Logo pela manhã fomos visitar o estúdio de um fotógrafo, dentre os milhares que eu havia pesquisado. Ele se chama John e foi extremamente simpático conosco, entendeu perfeitamente a nossa situação financeira, facilitou o pagamento, deu a opção de comprarmos o álbum mais tarde, quando a nossa situação melhorar e ainda vai nos prover um CD com as fotos que tirar. Ficamos conversando por um tempo e depois ele nos contou que tem uma namorada brasileira e que morre de vontade de conhecer o Brasil, olha que legal! Fechamos o negócio, ele será nosso fotógrafo!

Depois fomos até o centro dar uma volta. Passamos pela livraria Borders. O Martin perguntou "Vamos entrar?". Eu disse: "Melhor não, é perigoso!". E ele respondeu: "Mas só para olhar...". OK, concordei. Saímos de lá com um livro de receitas indiana e uma revista. Depois fomos a uma loja de especiarias indianas e compramos mais de 10 especiarias, além do frango, para preparar um prato indiano no jantar. Eu disse que era perigoso...

Antes de voltar para casa, passamos numa doceria bem pertinho de casa para ver se eles faziam bolos de casamento. E eles fazem! Bolos decorados com glacê real, bem bonitos. Decidimos que a gente quer um bolo gostoso, comível, não aqueles bolos duros de festa, cheio de uvas passas (urgh!). A moça do bolo riu e disse que pode fazer um bolo de chocolate com recheio de creme de chocolate para a gente! Viva! Conseguimos o bolo também. E por um preço bem barato, porque a doceira é numa casinha bem simples, pouco famosa, mas muito boa. Que bom!

A noite o Martin preparou Frango Korma, com todas aquelas especiarias e creme de leite. Ficou absolutamente divino, maravilhoso, melhor do que do restaurante! Nota 10.5!!! Assistimos ao especial Elton John e dormi no sofá, hehehe, tava muito chato.

Mas o dia foi muito especial!

Escrito a mão pela Marcia às 9:41 AM

março 15, 2002

Conte-me

Vez ou outra comento com o Martin que uma psicoterapia poderia ser de grande ajuda para ele. Ele concorda, mas nada de marcar hora com um terapeuta até agora. E eu sei que não posso insistir, a vontade e a disponibilidade para falar e ouvir tem que partir dele, senão não funciona. E só me resta ficar aqui, roendo os dentes, esperando que logo ele tome essa iniciativa.

Tem momentos, porém, que entro em campos bem escondidos dele, com paciência e cuidado vou pedindo para ele me contar coisas que ele viveu, que o machucou e que provavelmente afetam sua auto-estima e seu comportamento até hoje. E quando ele começa a falar, ele fala bastante, como se tudo estivesse sufocando, como se tudo estivesse tão pesado que ele precisa dividir.

Eu ouço, mas não dou conselho algum, não tenho o conhecimento de psicologia para isso. Mas tenho a certeza de que quando ele está falando, ele também está ouvindo as próprias palavras e organizando os sentimentos dentro dele. Então peço para ele falar mais, peço para ele lembrar, peço para ele pensar. Às vezes o insight parte dele mesmo e fico muito feliz quando isso acontece, mesmo sem que eu tenha falado absolutamente nada. Ele começa a perceber a origem de suas dores e deduz o que isso tem gerado como conseqüência.

Se ele está certo ou não eu não sei, não posso ter certeza. Tudo o que eu faço em nossas conversas é mostrar os pontos positivos disso tudo, mesmo que machuque, mesmo que traga más lembranças, mesmo que faça pensar sobre o que já deveria estar esquecido. Porque é tendo coragem de enfrentar nossos medos que caminhamos para superá-lo. E mostro que ele é corajoso e que já deu o primeiro passo para superar seus medos.

Estamos apenas no começo de uma longa caminhada pela frente, destruindo fantasmas, cicatrizando feridas e reconstruindo a vida. E estarei sempre de mãos dadas com ele. :o)

Escrito a mão pela Marcia às 8:29 AM

março 14, 2002

Tailândia

Tenho uma amiguinha na escola que se chama "O". Uma graça de pessoa, sempre sorridente e muito simpática. Quanto mais ela me conta sobre a cultura do país dela, mais eu sinto vontade de passar um tempão por lá, deve ser simplesmente mágico e exótico!

Escrito a mão pela Marcia às 12:58 PM

Frio

Sabe quando você abre o freezer e sente aquele ar gelado? Esse mesmo ar gelado se encontra hoje nas ruas daqui. Quero mais sair de casa, não.

Escrito a mão pela Marcia às 12:56 PM

Neurótica

Estou estafada, estressada, irritada e sem paciência. Pronto. Emburrei. Soltei todos os cachorros em cima do Martin ontem, quero nem saber. Cansei de organizar todo casamento sozinha, quero colaboração. Isso mesmo. Positivo e operante.

Escrito a mão pela Marcia às 12:53 PM

março 13, 2002

Comprinhas

Fui até a cidade de Poole para visitar uma loja cheia de acessórios e bijouterias. Comprei uma tiara bem simplesinha para usar no dia do casamento. Como não vou estar vestida de noiva e o casamento vai ser só no cartório, comprei algo bem discreto, mas fica bem bonito no meu cabelo escuro. Eu gostei e paguei só £3,00. Passei na Boots, meu paraíso particular, uma loja que vende cosmésticos de todas as marcas, de todos os tipos, para pele, cabelo, manicure, tudo, tudo. Encontrei um bom fixador para fazer meu cabelo no dia do casamento e também um creme da L'Oreal para meu rosto que está vermelho, descascando e queimado pelo vento.

Escrito a mão pela Marcia às 12:06 PM

Água no Feijão

Ontem acordei cedinho e comecei a ferver o feijão que ficou de molho a noite inteira. Ferveu, ferveu, ferveu. Mas ainda estava duro. Apaguei o fogo e fui para a aula. Voltei da escola e botei o feijão para ferver novamente. Ferveu, ferveu. Dei uma olhadinha e faltava só um tiquinho a mais de cozimento. Deixei fervendo e fui cuidar de umas coisinhas de casa e do casamento. Esqueci. O feijão secou e queimou todo no fundo da panela. Cheiro de feijão queimado por toda casa. Joguei tudo fora e levei o lixo na lixeira de fora do prédio. Perdi o feijão todo. E o jantar também. Hhhfffff.....

Hoje estou tentando novamente. Já está cozidinho, só falta refogar na hora do jantar. Fiquei de olho hoje. Feijãozinho brasileiro mais a noite.

Escrito a mão pela Marcia às 11:58 AM

março 12, 2002

O sofá provisório

Depois de sete ligações reclamando, finalmente ontem a loja BoConcept nos entregou o sofá provisório. Ou seja, até que o nosso verdadeiro sofá fique pronto, usaremos este da loja. É novinho, da mesma cor e modelo que encomendamos. A pergunta que não quer calar é: se eles podem fazer e entregar um sofá igualzinho ao nosso, porque não podem fazer o mesmo com o que deveria ser o nosso sofá??? Dois meses de atraso na entrega!! É mole? Isso não aconteceria em países como o Brasil. Pronto, falei.

Anyway, finalmente podemos sentar em algo que não destrua nossa coluna cervical. O sofá é ótimo e tão grande! A sala ficou tão pequenininha agora. Gostamos bastante, ontem a noite ficamos até tarde assistindo televisão (não temos TV ainda, assistimos através da computador), deitados no sofá novo. :o)

Escrito a mão pela Marcia às 7:58 AM

março 11, 2002

Cozinhando a Quatro Mãos

Sábado, Martin e eu preparamos juntos e com muito sincronismo, um risoto de cogumelos selvagens, seguindo a receita do livro do Gary Rhodes. Ficou simplesmente divino, cremoso, firme, aborosíssimo! Uma das melhores refeições que já preparamos juntos!

Numa frigideira grande, refogue a cebola com bastante manteiga. Junte os cogumelos cortados em fatias e frite-os até murcharem. Acrescente o arroz arbóreo (arroz próprio para risotos) e mexa bem. O segredo de um bom risoto é mexer sempre o arroz, mais no início do cozimento, menos no final. Vá derramando caldo de galinha quente aos poucos, meia concha por vez. Mexa até o caldo evaporar. Acrescente mais
caldo e mexa. Continue esse processo até o arroz ficar cozido, porém não mole demais. Tempere com sal e pimenta moída na hora. Polvilhe queijo parmesão ralado e cheiro-verde. Não coloquei as quantidades, siga seus instintos culinários, o mais importante é usar ingredientes de qualidade, principalmente a manteiga e o caldo de galinha. Quando você provar, vai saber o porquê. Prontinho! Bom apetite.

Escrito a mão pela Marcia às 11:17 AM | Comente este capítulo (1)

março 10, 2002

Peregrinação

Estou exausta. Estivemos extremamente envolvidos com os detalhes do casamento nesta semana. Alianças, lente de contato, convites e o mais trabalhoso: local para uma recepção decente. A maioria dos locais já está completamente reservada até o ano que vem. Pesquisamos e visitamos diversos. É frustrante quando se espera fechar um negócio e depois descobrir que não podemos. Mas hoje parece que finalmente essa via-crucis chegou ao fim, encontramos um agradável lugar em Poole, por um preço salgado, mas é o que temos que pagar por estarmos em cima da hora. E para pagar a todos esses gastos teremos que cortar
muitos outros, inclusive minhas aulas. Em Abril não vou à escola para poder pagar a recepção, mas em Maio eu volto a estudar. Ainda falta o fotógrafo, o bolo, sapatos e roupa do Martin. Com calma a gente certa tudo.

Escrito a mão pela Marcia às 3:43 PM

março 7, 2002

Calor

Pela primeira vez desde que cheguei à essa terra fria, hoje é o primeiro dia que não está frio! Que delícia! Como é bom usar
apenas uma blusa de lã!!! :o)

Escrito a mão pela Marcia às 1:21 PM

Trava-língua

Contei que mudamos de professores? Um deles se chama Martin e é a simpatia em pessoa. Ele veio de Londres e tem um sotaque e uma velocidade diferente para falar. Ele é ótimo para ensinar pronúncia! Ontem ele explicou os processos físicos da pronúncia, de assoprar, pôr a língua no céu da boca, encostar atrás dos dentes, pressionar os lábios e muitos outros, foi muito interessante! Agora ao invés de pronunciar "parecido" estamos começando a pronunciar "como se deve". E a lição de casa para os próximos meses é repetir sem parar por um minuto por dia a frase The Tip of The Tongue, The Teeth and The Lip.

Escrito a mão pela Marcia às 8:18 AM

Alô

Ontem liguei para os meus pais, que saudades deles e da Bianca. É tão bom conversar, saber das novidades, de tudo o que está acontecendo. Vou ligar mais vezes, nessa correria toda acabei deixando pra depois e quando percebi, já estava dias com saudades acumuladas. Hehehe.

Escrito a mão pela Marcia às 8:10 AM

março 6, 2002

Meu lindo Vestidin

Finalmente decidi! O tempo está correndo e eu não posso ficar com a frescura de achar um vestido exatamente do meu tamanho. Bem cedinho fui na loja onde havia gostado muito de um vestido, experimentei novamente e desta vez achei divino! Não sei por que não comprei antes. Ah sim, porque era grande. Continua grande, aliás.

Quando fui pagar, estava olhando a costura por dentro para ver se dava para ajustar e a moça perguntou "Está tudo bem?". Respondi "Oh sim, apenas checando se posso ajustar, o vestido está grande em mim". E gentilmente ela perguntou se eu já tinha alguém para fazer os ajustes e me deu o endereço e um telefone de uma empresa de costura que eles sempre indicam aos clientes. Agradeci demais, era tudo o que eu precisava!

O endereço era ali pertinho da loja e fui perguntar preço, prazo, essas coisas. Num instante eu já estava dentro do vestiário com o vestido sendo alfinetado e marcado para ajuste! Fiquei tão contente, ele vai ficar pronto - se Deus do Céu e da Terra e do Espírito Santo assim permitir - daqui duas semanas. Alívio e satisfação de conseguir me virar em inglês para fazer esses serviços!

Assim que o vestido voltar eu mostro as fotos, conforme o prometido! :o)

Escrito a mão pela Marcia às 1:07 PM

março 5, 2002

Aliança de Ouro

O Martin sugeriu empolgadíssimo, mas eu achei estranho.
Ele queria que as alianças fossem de ouro branco, que são lindas. Mas fiquei bem insegura, porque no Brasil é mais comum usar aliança de casamento de ouro dourado, não é? Para mim, apenas casais de namorados usam alianças de cor prateada. Estou desatualizada? Caduquei? Fiquei pra trás? Ainda estou em dúvida... Será? Será?

Sugestões e esclarecimentos são muito bem-vindos, please. :o)

Escrito a mão pela Marcia às 8:10 AM

Tudo ao mesmo tempo agora

Estou atolada com tantos detalhes para cuidar. Já fiz milhares de listas de prioridades, mas sempre me perco no meio do caminho e me preocupo antes das coisas acontecerem. O casamento tem consumido bastante dos meus dias. Vestido, alianças, sapatos, flores, convites, restaurante... Tudo ao mesmo tempo, porque tudo depende um do outro. Por exemplo, não dá pra enviar os convites sem antes fechar com o restaurante aonde vai ser a recepção. E isso porque nem vai ser um casamento tradicional, apenas a família e 10 amigos. Mas com o orçamento apertado que temos, tenho que ficar fazendo malabarismos para que tudo fique pelo menos agradável para nós.

E outro entrave é que Martin quer agradar cada mísero convidado, oferecer a comida que mais agradem a eles, no horário que eles querem, no lugar mais perto. Não, assim não dá. Já expliquei para ele que é nosso casamento e não uma festa de caridade da paróquia. Quem vier, virá para celebrar a nossa felicidade e não para encher o bucho. Ele riu e concordou, graças aos deuses loiros acéfalos.

Já definimos então, a lista de convidados com minha família incluída (quem sabe, né?). A recepção vai ser um almoço seguido de bolo com champagne. Ontem passei o dia pesquisando restaurantes. Estou aqui torcendo muito para que um deles dê certo.

Escrito a mão pela Marcia às 8:03 AM

Nova lente

O oftalmologista que está cuidando de mim deu outra lente esquerda para substituir a que eu havia perdido. E di
grátis
! Muito bonzinho ele, disse que isso está incluso no plano que assinamos. A próxima que eu perder tem que pagar.
Ui.

Escrito a mão pela Marcia às 7:27 AM

março 4, 2002

Christchurch

No sábado fomos até a cidade vizinha Christchurch. Lá está a maior igreja de toda Inglaterra. Depois demos uma caminhada pela
baía. O dia estava ensolarado, mas muito frio! Valeu a pena, adoramos a cidadezinha. :o)

Escrito a mão pela Marcia às 11:28 AM

Feijão

Na sexta-feira o Martin encontrou feijão carioquinha no supermercado. Não é tão difícil de encontrar. No supermercado Sainsbury's - o melhor e mais cosmopolita dos supermercados - sempre encontramos o feijão. Então ele comprou dois pacotinhos, além de flores branquinhas para nossa casa. Hoje estou fervendo os feijões que ficaram de molho desde a noite passada (ainda não temos panela de pressão). A noite tempero com bastante bacon e alho. Não preciso de mais nada além de um arrozinho branco! :o)

Escrito a mão pela Marcia às 11:25 AM

março 3, 2002

Mau-humorada e caolha

Muita coisa andando para trás aqui.
Minhas ervas estão murchando.
Não encontro o vestido.
E também perdi a lente de contato do olho esquerdo.

Deve ser olho gordo.
Humpf...

Escrito a mão pela Marcia às 6:43 PM

março 1, 2002

Sem vestido

Acabei indo ao centro da cidade ontem, mesmo com chuva e frio. Mas não encontrei nada. Aliás, encontrei, mas nada que me servisse. Se fosse só a barra comprida, tudo bem, mas ajustar cintura, corpete e tudo mais, não dá. Muita mão-de-obra e nem sei se vai ficar bom. Vou procurar mais um pouco...

Nenhuma loja aqui faz ajustes. Nenhuma. Tem que procurar seu próprio custureiro. Que vontade de comprar em São Paulo...

Paciência...

Escrito a mão pela Marcia às 12:18 PM

« fevereiro 2002 | Main | abril 2002 »