« Um dia em Londres | Main | Segunda semana: em Bonito/MS »

Primeira semana: em São Paulo

Chegamos, portanto (se é que esse "portanto" ainda faz sentido, já que demorei dias para continuar a escrever aqui) no sábado. Como já havia marcado um almoço para reencontrar minhas amigas, resolvemos não desmarcar e encarar o cansaço de frente.

Depois de muitos abraços e conversas quando chegamos na casa da minha mãe, Martin tirou um cochilo e eu aproveitei para ligar para os meus irmãos. Em poucos minutos saímos para o encontro e comemos uma deliciosa feijoada no Armazém Paulista, regada de muito chopps, água mineral e risadas sem fim com Miriam, Cristina (e Carolina), Adriana (e Kaju), Clara e Cristiane. Tava um dia de sol muito forte e o calor da nossa amizade só contribiu para aumentar ainda mais a sensação de que enfim, estava de volta ao meu país.

Nos dias que seguiram, um tempo nublado e frio surgiu, mas nada que impedisse que os demais encontros fossem igualmente ensolarados! Irmãos, cunhados, sobrinha-linda, tios, primos, mais amigos (Luciana Barrichelo e Confraria num churrasco maravilhoso), amigos que há muito tempo não encontrava (Sammy, Milton e Mary num bate-papo cheio de muitas saudades), todos muitos especiais na minha vida.

No meio tempo, uma pausa em casa para o aniversário da minha mãe, Dona Wal, que aliás foi a responsável por refeições inesquecíveis durante todo o tempo que passamos lá!

Conseguimos também encaixar um dia para compra de CDs genéricos na Avenida Paulista e dois almoços especiais para celebrar nossas férias.

Apesar de todos os problemas da grande cidade e apesar das caras estarrecidas dos amigos quando eu falava disso, achei que a cidade está bem mais limpa do que um ano atrás. Não disse que está perfeita, notem, mas está bem melhor que no ano passado. Sem aquela bagunça de lotação clandestina, sem aquele lixo amontoado nos cantos, Singapuras ainda sendo construídos, linhas novas de trens.

No ano passado, voltei triste de ver São Paulo tão mal-tratada. Este ano, apesar de ainda estar mal-tratada, percebi que muitas coisas mudaram para melhor. É bom voltar e ver que as coisas melhoraram. É bom ver que existe solução sim para as coisas mudarem. É bom ver que ao menos uma pequena fração dessas mudanças já aconteceram a olhos vistos.


3 Comentários

Olá Marcinha,
Fico feliz que vc aproveitou bastante sua vinda ao Brasil. Quando o Steve esteve aqui achou São Paulo feia e grande, mas tb achou várias coisas legais, como por exemplo o metrô, que sempre parece novo (e ele achou muito melhor que o de Londres, apesar de não ter a mesma extensão), a Avenida Paulista, e principalmente, a hospitalidade de todos (todo mundo se esforçava ao máximo para falar inglês com ele) e a comida, ele ficou fissurado em rodízio!!!! Adoro São Paulo, é uma cidade com uma energia alucinante, mas ainda tem muito a melhorar....
Beijão!

Marcinha,

Vc tem razão, algumas coisas estão melhores. Mas tem outras que em compensação...

Foi legal ter te encontrado!!!

Beijocas.

Oi Ma...
Que bom que vcs aproveitaram muito e chegaram bem por aí...A casinha estava em ordem?
Aqui tudo certinho, muita chuva e muito calor....
Ficamos, eu e o Milton muito contentes de ver vcs dois. Eu particularmente fiquei muito emocionada.
Vi o tanto que vc lutou e sofreu por coisas já passadas e fiquei muito contente em ver vc bem, feliz e sobretudo bem acompanhada. Beijos...
Estou super curiosa para saber de Bonito.